segunda-feira, 4 de maio de 2009

Quem ri por último pode ser retardado

Eu nunca pensei que riria tanto de algo que eu achei que não fosse importante para mim. Descobri que não era, porque se fosse, eu não riria tanto. É irônico até demais. Gurizinhos merecem guriazinhas. E aqui estou eu, rindo de um gurizinho que encontrou sua guriazinha. Eu não serviria para ele, mesmo. E eu gargalho porque a bomba explodiu longe de mim e porque eu não me sinto culpada e nem envolvida. Gargalho de felicidade, de conseguir caminhar e rir dele. Gurizinhos merecem guriazinhas. Eu poderia estar usando esse tempo de melhor maneira, mas eu me permito rir muito, porque minha risada é melhor... ela foi dada por último.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se sinta à vontade para comentar o que quiser sobre o artigo lido, apenas mantenha o respeito às pessoas.