domingo, 23 de outubro de 2011

Transpirar música. Sim, isso é possível.

Pela quantidade de posts musicais que eu venho fazendo nesse blog, parece que o que me motiva mais do que a leitura é a música. E isso é certo. Apesar de fazer mais de dois meses que eu não escuto música quando dentro do ônibus, eu respiro música em outros horários e em outras ocasiões. Tenho um gosto musical variado, mesmo não aturando Funk e Pagode, e já tentei ser uma rockstar. Quem nunca tentou? A diferença é que existem pessoas que nascem para isso, que são tocadas pelo dedo mágico de Euterpe (musa grega da música) quando são recém nascidos, enquanto outros, como eu, tentam, aprendem um instrumento, mas não passam disso. Também têm aqueles que não tem talento e que tem dinheiro para entrarem nesse mercado, mas isso é outra coisa e não cabe a esse post.